top of page

WhatsApp terá interoperabilidade com outros aplicativos de mensagens

Em breve, usuários poderão enviar mensagens de outros serviços para o WhatsApp. Isso porque a plataforma (como muitas outras) terá que fazer mudanças significativas para cumprir a Lei dos Mercados Digitais (DMA) da União Europeia. Uma dessas mudanças é a interoperabilidade com outras plataformas de mensagens. Inicialmente deverá ser possível trocar mensagens de texto, imagens, mensagens de voz, vídeos e arquivos.

Em teoria, isso significa que será possível conversar com pessoas no WhatsApp por meio de aplicativos de terceiros, como iMessage, Telegram, Google Messages e Signal. No entanto, tudo depende da adesão de outras empresas, já que a Meta quer garantir seus padrões de criptografia inclusive nesses outros serviços.

A Meta disse também estar aberta a aplicativos que usam protocolos de criptografia alternativos, desde que as empresas possam provar que “atingem os padrões de segurança que o WhatsApp descreve em suas orientações”. Os serviços terceirizados também terão que assinar um contrato com a Meta antes de se conectarem ao WhatsApp (mais detalhes ainda virão).

“Há uma tensão real entre oferecer uma maneira fácil de oferecer essa interoperabilidade a terceiros e, ao mesmo tempo, preservar a privacidade, a segurança e a barra de integridade do WhatsApp”, disse explica o diretor de engenharia do WhatsApp, Dick Brouwer, em entrevista à Wired. “Acho que estamos muito felizes com o local onde pousamos.”

A Meta é considerada uma “gatekeeper digital” sob o DMA, o que significa que ela deve seguir um conjunto de regras destinadas a promover a concorrência entre os diferentes serviços digitais. O DMA entrou oficialmente em vigor no ano passado, mas a UE está dando aos controladores de acesso até março de 2024 para cumpri-lo.

Ainda não está claro se estas alterações entrarão em vigor apenas na UE ou se estarão disponíveis em outras partes do mundo.

Fonte: The Verge

4 visualizações

Comments


bottom of page