top of page

Você precisa dizer mais “nãos” para os clientes

De todas as coisas que consegui aprender nos últimos seis anos à frente de uma agência, talvez a mais importante delas tenha sido o valor do “não”.

Em geral, tendemos a concordar com tudo que nos é imposto para não gerar conflito. Isso se dá principalmente quando não temos confiança no que estamos dizendo, fazendo ou vendendo. ⠀ No entanto, a palavra “não” é mais mal interpretada por quem fala, do que por quem ouve.  Um “não” na medida certa pode inclusive, aumentar a percepção de autoridade que o cliente tem de você. 👀Imagine, por exemplo, um cliente que implora desconto em um serviço. Ele obviamente faz o pedido por focar no seu próprio bem-estar financeiro, mas não pensa em quanto você investiu em conhecimento, tampouco na sua margem de lucro. Ao recusar (educadamente, explicando os motivos para o cliente), você demonstra um posicionamento racional e confiante, capaz de ponderar números antes de tomar decisões. Fechando ou não com você, esse cliente vai sair da reunião te respeitando mais. Dizer “sim” para coisas que você não concorda – sejam elas ações, alterações, descontos, técnicas e até produtos – é uma das piores armadilhas que o profissional pode cair.  Você perde sua essência, o mercado te desvaloriza e você vira só mais um “fazedor” no meio de tantos outros. Eu já disse muitos “sins” por aí com medo de dizer não. Já fiz campanha pra produtos que eu não acreditava, executei ação que eu sabia que não ia dar certo, já perdi noite de sono, já paguei pra trabalhar e, com isso, já decepcionei muita gente. Hoje estou em paz com meus “nãos” . Queria compartilhar isso com você.

2 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page