top of page

Twitter está perdendo seus usuários mais ativos

De acordo com uma pesquisa interna do Twitter, vista pela Reuters, o Twitter está lutando para manter seus usuários mais ativos de fato engajados – e eles são vitais para a plataforma.

Esses “usuários de peso” (heavy tweeters – pessoas que são muito ativas na plataforma) representam menos de 10% dos usuários gerais mensais, mas geram 90% de todos os tweets e metade da receita global da empresa. Existe até uma classificação específica para definir quais são os “usuários de peso”: alguém que acessa o Twitter seis ou sete dias por semana e twitta cerca de três a quatro vezes por semana, segundo o documento interno da pesquisa. E de acordo com esse documento, esses usuários estão em “declínio absoluto”.

Além disso, a pesquisa também descobriu que nos últimos dois anos está acontecendo uma mudança de interesses entre os usuários de língua inglesa mais ativos. Criptomoeda e conteúdo “não seguro para o trabalho” (NSFW), que inclui nudez e pornografia, são os tópicos de maior crescimento entre esses usuários, segundo o relatório – o que pode tornar a plataforma menos atraente para anunciantes.

Interesse por tópicos como notícias, esportes e entretenimento, que ajudaram o Twitter a conquistar sua imagem de “praça digital” do mundo (e são mais desejáveis para anunciantes), está diminuindo entre os heavy tweeters.

O interesse por notícias internacionais ou política mostrou picos durante grandes eventos, como no ataque ao Capitólio dos EUA em 6 de janeiro de 2021, mas essas categorias desde então perderam o maior número de “usuários de peso” ​​do Twitter e não mostraram sinais de recuperação.

Na mesma linha, usuários que tinham grande interesse por moda ou celebridades como a família Kardashian está diminuindo de forma “devastadora” – e imagina-se que, na verdade, eles estejam migrando para outras plataformas, como Instagram ou TikTok.

O estudo também expressou surpresa com o declínio no interesse por personalidades de e-sports e streaming online, que anteriormente cresciam rapidamente no Twitter – “As grandes comunidades estão agora em declínio”, disse o relatório.

O Twitter não especificou quantos de seus tweets são em inglês ou quanto dinheiro ganha com falantes de inglês, mas analistas apontam que a demografia é importante para os negócios do Twitter – a plataforma obteve mais receita publicitária apenas nos Estados Unidos do que todos os outros mercados combinados em seu quarto trimestre.

Um porta-voz do Twitter comentou sobre o relatório: “Realizamos regularmente pesquisas sobre uma ampla variedade de tendências, que evoluem com base no que está acontecendo no mundo. Nosso público geral continuou a crescer, chegando a 238 milhões mDAU [usuários ativos diários monetizáveis] no segundo trimestre de 2022″.

Fonte: Reuters

4 visualizações

Commenti


bottom of page