top of page

Twitter considera vender nomes de usuários em leilões online

O Twitter têm mais de 1 bilhão de contas que estão inativas há anos, com nomes de usuário que, por enquanto, não podem ser usados ​​por mais ninguém. No entanto, alguns rumores estão sendo ouvidos sobre a possibilidade dessas @s irem a leilão.

No mês passado, Musk disse que a plataforma “começará em breve a liberar o espaço de nome de 1,5 bilhão de contas”. Ele não mencionou nenhum plano de vendê-las, porém o New York Times ouviu pessoas envolvidas no assunto, que disseram que a ideia de leiloar esses nomes de usuário foi discutida dentro da empresa no mesmo mês – inclusive como mais uma forma de gerar receita.

O NYT relata: “O Twitter considerou a venda de nomes de usuários para gerar novas receitas quando seu proprietário, Elon Musk, tenta ressuscitar os negócios da empresa […] Engenheiros discutiram a realização de leilões on-line onde as pessoas podem licitar pelos nomes dos usuários”.

No momento, se alguém deseja obter um @ específico, precisa ficar monitorando para descobrir quando ele fica disponível. Existem até aplicativos que monitoram nomes de usuários selecionados caso eles abram – mas, se de uma vez só, forem liberados todos essas @, ou milhares de pessoas estiverem competindo por um único nome, esse processo ficará ainda mais complicado. Ainda mais com bots que podem ser configurados para obter automaticamente esses nomes.

Os termos de serviço atuais do Twitter proíbem a troca de contas e seus nomes de usuário, porém, essas transações ocorrem no mercado negro praticamente desde o lançamento do serviço em 2006, com ofertas financeiras sendo feitas para aqueles com nomes procurados.

Então faz sentido para o Twitter explorar soluções para disponibilizar esses nomes de usuário novamente, de uma forma que daria a todos os usuários alguma chance de obter o @ que desejam. E claro, que também proporcionaria ao Twitter outro meio de gerar renda, algo que a plataforma está precisando.

3 visualizações

Comments


bottom of page