top of page

Threads testa feed semelhante ao TweetDeck

A Meta está começando a testar uma experiência semelhante ao TweetDeck, para o Threads. Assim, os usuários poderão criar feeds personalizados que são empilhados em uma interface de coluna na web, muito parecido com o que o TweetDeck fazia, antes de se tornar um serviço pago do X.

Seine Kim, a porta-voz da Meta, explicou: "Se você estiver no teste, poderá optar por manter as coisas simples com um único feed ou adicionar colunas separadas para suas pesquisas, tags, contas, postagens salvas e notificações favoritas. Você pode optar por atualizar automaticamente colunas específicas em tempo real".

Então, usuários que forem selecionados para testar a nova experiência, poderão escolher se uma coluna é atualizada automaticamente com as postagens mais recentes e fixar colunas cheias de resultados de pesquisa ou postagens de um único perfil de usuário, como pode ser visto na imagem abaixo:

O TweetDeck foi um aplicativo popular para acessar o Twitter antes da rede social adquirir a empresa, em 2011. Ele oferecia recursos como suporte a múltiplas contas e feeds personalizáveis ​​tornaram-no uma ferramenta popular para usuários avançados, jornalistas e profissionais de marketing que usavam o Twitter diariamente. Agora ele foi incorporado aos serviços pagos do X e renomeado para X Pro.

No Threads, a experiência da nova interface é provavelmente uma resposta às reclamações comuns de usuários avançados sobre serem forçados a acessar o feed Para Você baseado em algoritmo sempre que acessam o Threads na web. A plataforma até tem um feed de acompanhamento em tempo real, mas é preciso acessar a URL específica para 'seguindo' ou alternar sempre que carregar Threads na web. Nos aplicativos móveis, o feed está "escondido" abaixo de um toque no logotipo principal do Threads.

Além desta nova interface, o Threads está lançando uma guia cronológica recente: “Os resultados da pesquisa aqui ainda são avaliados quanto à qualidade, mas agora você pode vê-los em ordem cronológica”, disse o chefe do Instagram, Adam Mosseri.



Fonte: The Verge

13 visualizações

Comments


bottom of page