top of page

Multa do Facebook na União Europeia pode custar alguns bilhões

A União Européia está chegando ao fim de uma investigação onde o Facebook supostamente teria descumprido vários tópicos da Lei Geral de Proteção de Dados da União Europeia, e a rede de Mark Zuckerberg pode ter que desembolsar multas que chegariam na casa dos bilhões de euros, para continuar suas atividades nos países europeus.

Segundo o Wall Street Journal, a Comissão de Proteção de Dados da Irlanda (que lidera as investigações, uma vez que a sede do Facebook na Europa esteja no país) tem nada menos que onze processos em tramitação contra a rede social.

Aparentemente, a maioria dos casos já estariam na fase de elaboração de relatórios finais da investigação e tanto as decisões, como quaisquer multas e sanções, devem ser apresentadas até o final de setembro deste ano.

Embora o Facebook tenha sede nos Estados Unidos, as leis da GDPR se aplicam à empresa, uma vez que o serviço é usado por indivíduos na União Europeia.

Se você não estiver familiarizado, o Lei Geral de Proteção de Dados da União Europeia (GDPR) é um conjunto de leis de privacidade de dados na UE projetado para fornecer aos cidadãos europeus mais controle sobre seus dados pessoais e sobre como eles são coletados, armazenados e utilizados. Uma lei parecida foi sancionada no Brasil no ano passado. Gravamos um podcast falando mais sobre o assunto, você pode conferir clicando aqui.

1 visualização

コメント


bottom of page