top of page

Meta agora tem uma equipe dedicada à construção de ferramentas de inteligência artificial

O CEO da Meta, Mark Zuckerberg, anunciou nesta semana que a empresa agora tem uma equipe dedicada à construção de ferramentas alimentadas por inteligência artificial – o que pode incluir “personas de IA” projetadas para ajudar pessoas de “várias maneiras” e novas ferramentas de IA nos aplicativos e serviços da Meta.

Zuckerberg não apresentou planos concretos que serão executados por essa equipe, mas disse que a empresa está trabalhando em experiências de IA com texto, como conversas no WhatsApp e Messenger, com imagens para itens como filtros criativos no Instagram e formatos de anúncios e também com vídeo e experiências multimodais.

“Estamos criando um novo grupo de produtos de alto nível na Meta focado em IA generativa para turbinar nosso trabalho nessa área. […] Temos muito trabalho fundamental a fazer antes de chegar às experiências realmente futuristas, mas estou animado com todas as coisas novas que construiremos ao longo do caminho”.

Recentemente a empresa também anunciou que está trabalhando em um gerador próprio de linguagem de inteligência artificial, chamado LLaMA – ferramenta voltada mais para pesquisadores do que ao público em geral – além de dois chatbots de IA – Galactica e Blenderbot.

À medida que as ferramentas de IA aumentam em popularidade, mais empresas estão explorando oportunidades, incluindo Microsoft, Google e até Snapchat. Com toda a força e recursos de suas plataformas, pode ser interessante observar como a Meta melhora e incorpora recursos de inteligência artificial em seus aplicativos.

Fonte: The Verge

4 visualizações

Comments


bottom of page