top of page

Facebook está adicionando recursos de monetização aos grupos

A rede social está testando novas ferramentas que permitem aos administradores de grupos ganhar dinheiro com opções de compras, arrecadação de fundos e assinatura. Matt Navarra, especialista em mídias socias que diversas vezes citamos por aqui, faz o destaque:

Facebook just announced LOTS of new features for Groups! Highlights: – Paid sub-groups! – Group shops to sell merch – Ability to customize colors, backgrounds and fonts – Ability to customize emojis members can use to react to content https://t.co/gya6Fn8aCM — Matt Navarra (@MattNavarra) November 4, 2021

O Facebook acaba de anunciar MUITOS novos recursos para Grupos! Destaques: – Subgrupos pagos! – Grupo de lojas para vender mercadorias – Capacidade de personalizar cores, planos de fundo e fontes – Capacidade de personalizar emojis que os membros podem usar para reagir ao conteúdo

As atualizações foram anunciadas no evento anual Communities Summit, com a empresa explicando que os novos recursos ajudarão os administradores a sustentar as comunidades que construíram.

Sobre as opções: lojas da comunidade e arrecadação de fundos são recursos já existentes em outras partes da plataforma e que foram levados aos grupos. As lojas vão permitir que os administradores vendam mercadorias temáticas ou outros produtos e a arrecadação de fundos permitirá o financiamento de projetos específicos (ou até “compensar os custos de funcionamento do grupo”.

Subgrupos pagos, por sua vez, são novidade. Eles serão grupos menores dentro de um grupo, em que membros pagam uma mensalidade para participar. O Facebook também está permitindo a criação de subgrupos gratuitos, mas a versão paga está tendo um destaque maior, principalmente pelo apelo de remuneração aos criadores. A ideia aqui é que as assinaturas são destinadas a permitir o acesso a conteúdo exclusivo ou especializado, como “treinamento, networking ou conversas mais profundas”.

Maria Smith, vice-presidente de comunidades do Facebook, diz que o Facebook não espera que todos os grupos queiram ou precisem de recursos pagos, mas que muitos grupos já vendem seus próprios produtos ou organizam eventos de arrecadação de fundos. Portanto, trazer as ferramentas diretamente para eles pode ser útil. Por outro lado, os grupos também abrigam o conteúdo mais tóxico e polêmico do Facebook, e a empresa às vezes tem lutado para manter os grupos problemáticos sob controle.

O Facebook está planejando uma implementação lenta, então a maioria dos grupos não terá acesso a esses recursos imediatamente.

Além desses novos recursos de monetização o Facebook anunciou algumas outras atualizações para grupos, como a opção de alterar as cores de fundo, estilos de fonte e outros aspectos da aparência dos grupos; bate-papos da comunidade para facilitar o contato entre administradores e moderadores de grupo; e uma nova seção de “destaque” para fixar o conteúdo que fica no topo do grupo.

Fonte: Engadget

4 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Komentarze


bottom of page