top of page

Elon Musk anuncia que contratou uma nova CEO para substituí-lo no Twitter

Elon Musk, atual dono e CEO do Twitter, anunciou ontem, 11, que contratou uma nova CEO para a plataforma (e seus planos futuros). Ela deve começar em aproximadamente 6 semanas e então Musk assumirá o papel de presidente executivo e diretor de tecnologia, supervisionando produtos, software e sysops:

Excited to announce that I’ve hired a new CEO for X/Twitter. She will be starting in ~6 weeks! My role will transition to being exec chair & CTO, overseeing product, software & sysops. — Elon Musk (@elonmusk) May 11, 2023

Estou animado para anunciar que contratei um novo CEO para o X/Twitter. Ela vai começar em ~ 6 semanas! Minha função será transicionada para presidente executivo e CTO, supervisionando produtos, software e sysops.

Musk não forneceu nenhum nome, mas o Wall Street Journal disse, algumas horas depois, que quem está “em negociações” para assumir o cargo é a executiva de publicidade da NBC Universal, Linda Yaccarino. Ela está na NBC Universal há mais de uma década, onde procurou implementar sistemas mais eficazes para medição de anúncios. Yaccarino também é, aparentemente, uma defensora de restrições de idade mais rigorosas no uso de mídias sociais.

Logo após adquirir o Twitter em outubro, Musk demitiu o então CEO Parag Agrawal e assumiu o cargo. Dois meses depois, ele fez uma pesquisa no Twitter perguntando se deveria deixar o cargo de CEO, pouco mais de 57% dos votantes disseram que sim, ele deveria ir. Musk respondeu ao resultado twittando: “Vou renunciar ao cargo de CEO assim que encontrar alguém tolo o suficiente para aceitar o cargo!”. Além disso, em novembro, enquanto testemunhava no tribunal sobre sua remuneração como CEO da Tesla , ele disse: “Espero reduzir meu tempo no Twitter e encontrar outra pessoa para administrar o Twitter ao longo do tempo”.

E essa pode ser uma das principais razões para a mudança – como a atenção dividida de Musk afetou suas outras empresas. Para se ter uma ideia, em dezembro, os investidores da Tesla pediram abertamente que Musk entregasse o controle do Twitter.

Porém, com todas as mudanças que fez no Twitter, as relações da plataforma com seus usuários e autoridades de segurança pública também foram bastante afetadas. Mas, principalmente, a aquisição do Twitter por Musk afetou os negócios de publicidade da plataforma, com vários anunciantes importantes encerrando seus investimentos.

Até o momento, não foram divulgadas mais informações. Resta-nos então esperar, para ver se uma nova pessoa no cargo de CEO, mas ainda sob o controle de Musk, realmente terá autoridade para realizar mudanças no rumo que o aplicativo está tomando.

3 visualizações

Comments


bottom of page