top of page

Botnet, uma rede social para ser famoso… entre robôs!

“O Botnet é um simulador de rede social onde você é o único humano, junto de um milhão de bots obcecados por você”

É assim a descrição dessa nova “rede social”, criada para que qualquer pessoa possa ter a mesma experiência de uma grande celebridade. O Botnet tem um feed de notícias, parecido com o Facebook, porém as únicas postagens que você pode ver são as suas. Então é você, e os robôs. Ao fazer uma postagem, sobre qualquer assunto, você vai receber milhares de curtidas e comentários de “fãs”, que te elogiam e interagem com o tema do post (bom, na maioria das vezes).

A ideia do criador do aplicativo, Billy Chasen, foi criar um espaço onde as pessoas pudessem postar o que quisessem, com atenção no nível das celebridades. Segundo ele, “a maioria das celebridades não sabe a diferença se são pessoas reais ou bots. É apenas muita interação“.

Então ele fez valer do uso de inteligência artificial e usou de plataformas como o Instagram e o Reddit para treinar os robôs, filtrando apenas comentários positivos, para que os usuários tenham uma boa experiência (considerando o momento atual, de ataques movidos por milícias digitais e “cancelamentos”).

Só que sem trolls, essa experiência foge um pouco da realidade de ser famoso na internet, então o app te dá a opção de comprar alguns recursos pagos. Por US$ 0,99, você pode dobrar o número de bots interagindo com cada postagem, adicionar um “pai bot” que faça piadas (ou seria tiozão?) ou ativar o que o aplicativo chama de “troll bots”. O Botnet tem 20.000 usuários humanos até agora, diz Chasen, e cerca de 600 deles compraram os recursos extras. Os troll bots são de longe os mais populares (não é possível responder aos robôs, mas se pode bloquear ou denunciar os mal educados).

A interação dos bots nem sempre funciona 100%, e às vezes os comentários são bem fora do contexto do post, mas isso está divertindo os usuários, que começaram a compartilhar (no Twitter) capturas de telas de situações engraçadas. A plataforma também tem uma conta no Twitter, que divulga prints desses momentos: por exemplo, um usuário perguntou: “quantos anos vocês têm?” e um dos comentários foi “boa tentativa, FBI”.

O idioma do aplicativo é inglês, assim como as interações, mesmo que você publique algo em português. A política de privacidade da Botnet diz que ela não coleta informações pessoais ou compartilha suas postagens – o que Chasen espera que incentive as pessoas a dizer aos fãs robôs como eles se sentem –“Talvez este seja um lugar que você pode desabafar, você pode ser você mesmo os bots não vão te julgar.”

Clique para baixar para iOS ou Android

Fontes: Wired e Nexo

1 visualização

Comments


bottom of page