top of page

A escolha do meu curso de marketing no Canadá

Como vocês já devem ter acompanhado em conteúdos anteriores, tenho relatado através dos posts e podcasts da Agência de Bolso todas as etapas do meu planejamento para estudar no exterior. Esse tem sido um processo divertido e cheio de aprendizados!

Mas como todo sonho que almeja ser alcançado, é importante que partamos sempre de objetivos específicos. Ou seja, antes de dar sequência nessa loucura, preciso me certificar de que sei exatamente para onde quero ir e o que quero executar.

Meu plano inicial – como relatado no primeiro episódio desta série – era fazer o curso Associate of Arts da UCW na cidade de Vancouver. Os cursos do tipo Associate Degree nada mais são do que os 2 primeiros anos de uma universidade, onde são reunidas várias matérias em comum de diferentes cursos. Após a conclusão dos 24 meses iniciais, você tem a possibilidade de partir para o mercado de trabalho com um certificado em mãos ou então continuar os estudos e receber o título de bacharelado.

Esse curso estava com uma bolsa sensacional de 10 mil dólares (quase 50% de desconto) para estudantes brasileiros. Na prática, eu gastaria 14 mil dólares canadenses para um curso de 2 anos, que me permitiria aplicar para o PGWP (permissão de trabalho) e ficar por mais 3 anos no Canadá!

Comparando com outros cursos que davam o mesmo benefício, o valor estava imperdível.

E estava tudo decidido até que…

Eu resolvi conversar com o pessoal da Spiible.

A Spiible é a agência parceira que está me auxiliando em todo o processo de planejamento, matrícula, vistos, documentos, etc.

Como já é de praxe para eles, fizemos uma reunião onde seria definido o meu curso. E embora eu estivesse muito certo da minha escolha (o Associate of Arts), estava 100% aberto a outras sugestões.

Dito e feito.

Os consultores da Spiible me apresentaram como alternativa o curso E-commerce and Online Business Management da Trebas na cidade de Montreal, que também contava com 10 mil dólares de bolsa e dava direito aos mesmos direitos de permissão de trabalho pós-estudo. Um achado incrível!

Além do curso combinar muito mais com o meu perfil, ele seria ministrado em Montreal, que possui um custo de vida bem menor que Vancouver. Montreal tem como língua oficial o francês (embora quase toda a população fale inglês também). E embora eu tenha optado por ter aulas em inglês, isso me dá a oportunidade de aprender um segundo idioma durante o período que vou passar lá, uma vez que várias instituições ofereçam curso gratuito de francês.

Como eu sei que vocês são curiosos, vou colocar aqui toda a ficha técnica do curso:

  1. Duração: 24 meses

  2. Carga horária: 1110 horas

  3. Valor total do curso: 18mil dólares canadenses.

  4. Idioma do curso: Inglês ou francês (eu optei por inglês)

Grade de ensino:

  1. Começando um Negócio Online – 60h

  2. Introdução ao Marketing Digital – 60h

  3. Auditoria e relatórios de negócios – 60h

  4. Introdução à Contabilidade – 60h

  5. Gestão de Redes Sociais – 60h

  6. Estratégias de vendas e representação – 60h

  7. Noções básicas sobre planilhas e suas aplicações- 45h

  8. Atendimento ao cliente online – 60h

  9. Anúncios patrocinados e publicidade digital – 60h

  10. Contabilidade online – 60h

  11. Direito empresarial digital – 45h

  12. Gestão de força de Vendas – 45h,

  13. Comércio internacional na era digital – 45h

  14. Inteligência de negócio e pesquisas de mercado – 75h

  15. Apresentações de Negócios / Pitchs – 45h

  16. Plano de Marketing – 75h

Como eu havia mencionado, embora este curso seja oferecido por uma instituição privada, o fato desta se encontrar na província de Quebéc, permite aos estudantes aplicação ao PGWP, o que na prática me dá mais 3 anos de Canadá (totalizando os 5 que eu tanto queria).

Outra coisa que me tranquilizou foi o nível de inglês exigido. Por não ser um curso de nível universitário, a exigência linguística é bem mais branda e a escola conta com o seu próprio teste de proficiência (uma entrevista de 15 minutos).

Então não tive muito o que pensar… Escolhi essa opção!

Quais os próximos passos?

Para não perder tempo e dar sequência no planejamento, dei entrada em toda a papelada (na verdade a Spiible fez tudo para mim), paguei a taxa de matrícula e estou aguardando a carta da escola para prosseguir com o visto de estudos. Minhas aulas começam em abril/2022!

Já fui aprovado no teste de nível de inglês que, como comentado anteriormente, foi uma entrevista supertranquila com uma professora mega simpática. Na prática, eles só querem garantir que você conseguirá entender o professor e se expressar minimamente. Se você acha que consegue fazer isso, pode ficar tranquilo(a). Você vai se sair bem.

Por hora, a ansiedade quase não cabe em mim e vou dar início a uma das partes mais importantes (e desafiadoras) deste projeto: o plano financeiro!

Acompanhe os próximos conteúdos no site oficial do evento e fique por dentro de tudo.

Até a próxima! =)

6 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Komentar


bottom of page